Dicas Para Escrever Melhor e Aumentar o Ritmo de Leitura Para OAB

O grande segredo para aprender a escrever melhor não é nada absurdo. Para escrever melhor você precisa ler bastante, gostar de ler, mas principalmente saber ler. Hoje a prática da leitura vem se perdendo com a internet e com a enxurrada de informações rápidas e mal construídas. E, olhando por esse ângulo, isso é uma grande perda para a escrita.

Outro ponto negativo é a fala. A maioria das nossas conversas diárias é informal, com gírias, erros de concordância, conjugações verbais equivocadas e quando precisamos usar a linguagem correta temos uma imensa dificuldade tanto para falar, quanto para escrever.

Muitas pessoas ignoram o bom português, o bom texto por preguiça ou por acreditar que não é algo necessário. Pois se é possível a comunicação e o entendimento de uma maneira informal e fácil, para quê mudar?

Ao optar pelo curso de Direito, o estudante tem a consciência que deve ao final deste, prestar o exame da OAB para poder atuar em alguns campos. A segunda fase da prova exige do candidato a elaboração de uma peça profissional, além de respostas para quatro perguntas dissertativas, exigindo um bom português e uma boa escrita para a aprovação final.

Por isso, separamos para você 5 dicas para ajudar na melhora da sua escrita e no ritmo da sua leitura.

Vamos lá?

ler-rapido

5 Dicas para escrever melhor e aumentar o ritmo de leitura pela OAB

Como você pode se preparar para essa prova melhorando sua escrita e aumentando as suas leituras? Simples. Temos aqui algumas dicas para você:

Comece a ler

Adquira esse hábito. Comece aos poucos, algumas páginas por dia de um livro que seja do seu interesse, não precisa ser necessariamente jurídico, pode ser ficção, poesia, conto, enfim. Vai ajudar você a ter gosto pela leitura, expandir o seu vocabulário e entender a construção de um texto;

Comece a escrever

Não importa o que. Mande e-mails, deixe recados na geladeira, até listas de compras serve. Quando você for se comunicar via WhatsApp ou redes sociais evite o uso da linguagem informal, comece a perder alguns vícios. Outra dica bacana é você criar um blog e começar a escrever os seus próprios textos;

Leia, releia e peça uma terceira opinião

Quando você escreve um texto, ao final leia de novo e de novo para revisar os erros gramaticais, se falta alguma informação, se tem coerência e se você realmente falou tudo o que gostaria e de uma forma clara. Depois peça para que alguém faça essa leitura e lhe dê um feedback. Muitas vezes estamos calejados sobre aquilo que escrevemos e é muito comum que passemos os olhos e não notamos alguns pontos que alguém, ainda verde, irá notar e isso é sempre de grande valia.

Não use o corretor ortográfico

Se você usa mais o computador para escrever, desabilite essa ferramenta. Na hora da prova você não terá esse recurso e alguns erros importantes, principalmente de acentuação podem passar despercebidos justamente pelo costume de que o corretor vá fazer o serviço. Além do que, não é uma ferramenta 100% confiável. Prefira um bom dicionário.

Corra atrás

Não tenha vergonha de pesquisar e perguntar sobre aquilo que você não sabe.

Seguindo essas dicas você com certeza vai melhorar a sua escrita e ganhar um ritmo muito melhor de leitura, além de ampliá-las. Suas chances de aprovação na segunda fase da OAB serão muito maiores.

Gostou dessas dicas? Deixe seu comentário abaixo!

One comment

  1. bom dia Bruno

    adorei a ideia da leitura ,porque minha caligrafia e muito péssima

    jà fiz de tudo não melhora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *